Cauca

Colômbia

A região colombiana de Cauca se encontra no sul do País e é uma terra com paisagens sedutoras, rica de fontes e cascatas.
A capital Popayàn, fundada no século XVI e conhecida como a “ciudad blanca”, é uma meta turística renomada e um importante centro religioso, famoso também pelas tradicionais celebrações da Semana Santa que lá se desenvolvem. Em uma terra tão variada como Cauca, a zona onde é produzido o café – ao norte do Río Patía –distingue-se pela sua homogeneidade, e oferece condições ideais para a colheita.

Apertado entre as altas cordilheiras e o planalto, a uma altitude de cerca de 1700 metros, neste território de montanha o clima é estável, as chuvas  abundantes, o solo de origens vulcânicas muito fértil e as estações diferenciam-se claramente entre uma seca e uma úmida. Isto tudo concorre a produzir um café de excelente qualidade. A Arábica de Cauca é recolhida a mão e é apreciada em todo o mundo pela sua especial doçura.

N/A°

Carlos Solarte

Colômbia

monoarabica Carlos Solarte
:
Carlos Solarte
:
Cauca
:
2007

Quando Francisnet chega à fazenda, Carlos acolhe o amigo e colega com calor: é o momento do usual tinto, a xícara de café fumegante que frequentemente tomam juntos. Desde quando Carlos colabora com a Federação Nacional de Produtores de Café, as suas jornadas estão repletas de encontros como este, e de tantos compromissos. Além de mandar adiante a sua plantação, dedica grande parte do seu tempo aos demais cultivadores: interessa-se pelas suas colheitas, ajuda a resolver este ou aquele problema. Com o passar dos anos, graças ao seu trabalho, encontrou muitos deles e pode conhecer e apreciar o papel que o café reveste no tecido social de Cauca. Neste departamento multiétnico, no qual vivem descendentes de tribos indígenas pré hispânicas como Los Paeces e os Misak, cerca de noventa e sete mil famílias produzem Arábica, uma autêntica tradição local.

Como muitos deles, também Carlos é um filho do café, porque seguindo os passos de seu pai, graças ao trabalho nos campos conseguiu estudar, tornou-se um agrônomo e melhorou a sua condição social e econômica.
Por outro lado, como diz um antigo provérbio desta região, o café está sempre ligado a coisas boas, tanto que no passado, os camponeses de Cauca o usavam, até mesmo, para curar cortes e feridas. Enquanto olha para o amigo Francisnet que se afasta voltando para os seus campos, Carlos pensa em tudo de bom que o café conservou para o futuro dos seus filhos. Hoje também será um belo dia.