Sakleshpur

Índia

Encantador território de colinas na região indiana de Karnataka, a área de Sakleshpur encontra-se nos Ghati Ocidentais, as montanhas indianas célebres pela sua riqueza biológica. De fato, flora e fauna locais oferecem uma espantosa variedade de espécies e alguns animais e plantas locais vivem exclusivamente nestas terras. A zona não reserva somente atrativos naturais, mas traz consigo também uma história secular, rica de lendas e tradições. Aqui as chuvas são muito

abundantes e a região caracteriza-se por panoramas com uma cor verde extraordináriamente intensa, tão brilhante a ponto de parecer quase irreal. Favorecidas por um clima propício e por temperaturas relativamente amenas, estas colinas são cobertas por uma densa vegetação e hospedam cultivações de cardamomo e de pimenta, além das prestigiosas plantações de café. Em Sakleshpur a agricultura é muito exuberante e aquela do Arábica é a produção mais importante da zona, renomada e procurada em todo o mundo.

N/A°

N. K. Shamarao

Índia

monoarabica N. K. Shamarao
:
N. K. Shamarao
:
Sakleshpur
:
2003

As jornadas do senhor Shamarao iniciam cedo. O sol surgiu há pouco quando saboreia o habitual “café das 7”, pensando nos afazeres que deverá desenvolver hoje. Chegando à plantação de Krishnakri, a primeira coisa que vê são as grandes árvores que fazem sombra à colheita, assegurando uma cobertura segura.
Hoje o grão perfumado tornou-se um recurso importante para esta região, e é difícil acreditar que quando a família de N. K. Shamarao aqui chegou para cultivá-lo, no longínquo ano de 1951, poucos teriam apostado no seu sucesso: nestas colinas verdíssimas ninguém imaginava poder cultivar café. Porém, seu pai, teve a intuição certa, desafiou os pareceres negativos e para a sua nova plantação escolheu a prestigiosa variedade “Seleção 795”. O mesmo Arábica que cresce até hoje. Shamarao utilizou sempre métodos naturais, e nos seus campos emprega somente produtos orgânicos: uma escolha feita com o passar do tempo e da qual, hoje, tem muito orgulho.

Nos últimos quarenta anos esta terra deu vida a muitas colheitas, enquanto o café indiano encontrava apreciadores em muitos países do mundo. Durante uma memorável viagem para a Europa, Shamarao conheceu numerosos apreciadores do seu produto, e o respeito que o mesmo tem no exterior o enche de orgulho e felicidade. Porém, é aqui entre as suas plantas que viveu os momentos mais belos de sua vida. Porque, para ele e para a sua família, cultivar café é muito mais que um trabalho: é um modo de vida.